às 16:00:00

Faculdade realiza cerimônia de acolhimento dos alunos ingressantes no internato

Ontem, dia 19 de julho, foi realizada a cerimônia dos alunos ingressantes no internato 2021/2. O evento contou com a presença de diretores, coordenadores, professores e alunos.

Palestras

Durante o evento aconteceram duas palestras:

- O Internato do curso de Medicina da FCMPB AFYA EDUCACIONAL  - ministrada pela Coordenadora do curso, Joacilda Nunes.

- Prontuário Médico – ministrada pelo professor Antônio Fernando Menezes

Internato 4.0

O Diretor Geral, Sérgio Ricardo Bezerra dos Santos, ressaltou que a FCMPB/AFYA apresenta um novo modelo de internato. “A FCM já fazia um dos melhores internatos do Brasil, mas agora com a Afya, a gente está trazendo algumas ferramentas tecnológicas, como a Medcel e o Whitebook. Isso vai fazer com que o aluno estude de forma mais rápida e objetiva e tenha uma consistência maior no seu aprendizado”.

A Coordenadora do curso de Medicina, Joacilda Nunes, destacou os avanços e diferenciais do Internato 4.0. “Nesse cenário, nós conseguimos preparar uma versão inovadora do internato, agregando princípios de tecnologia, plataformas modernas, situações realísticas simuladas em laboratórios de habilitações clínicas, mas também vamos trazer vários cenários de prática, com novos professores, novos preceptores”.

Pioneirismo

O Internato 4.0 engloba novas tecnologias, com aplicativos de decisões clínicas a beira do leito, com aulas já gravadas em um curso renomado, como o Medcel. É uma forma de tornar o interno de medicina do grupo Afya da FCM único”, afirmou Leonardo Cabral, Coordenador do Internato da FCM/AFYA.

Expectativas

Para o aluno João Lucas Gonçalves, o Internato é um momento muito aguardado. “Espero aperfeiçoar o conhecimento que a Faculdade disponibilizou pra nós, nesses últimos 4 anos”.

A futura médica, Manuella Fagundes, falou sobre suas expectativas para essa fase do curso. “Medicina é prática, então eu espero aprimorar o que aprendi até aqui, principalmente o contato com pacientes, já que com a pandemia a não teve esse contato”.

O aluno José Lucas destacou sua ansiedade com o início do internato. “Um ciclo se encerrou. Estou ansioso para o Internato. As expectativas são altas para colocar em prática o que aprendemos no ciclo básico”, concluiu.


Fonte: